Após 2 anos família quer saber de vendedora foi assaltada ou executada

 

Alcione Pacheco Borges, 36 anos. Foto: Reprodução Brasil Urgente / Band
Alcione Pacheco Borges, 36 anos. Foto: Reprodução Brasil Urgente / Band

A Delegacia de Homicídios de Itaquá investiga a execução de uma vendedora de 36 anos, com foi morta com um tiro dentro do próprio carro. O crime ocorreu há 2 anos e ainda não tem nenhuma pista, a polícia vê como uma possibilidade de motivo o relacionamento que a vítima tinha com um homem casado. A matéria foi ao ar ontem  (24) no Brasil Urgente da Band.

Polícia investiga Morte de Vendedora em Itaquá

Relacionadas

Leave a Comment