Artesp envia respostas de requerimento sobre a situação de abandono em que se encontra todo o entorno do Rodoanel

Áreas próximas ao Rodoanel apresentam abandono e falta de segurança. Foto: Ronaldo Andrade
Áreas próximas ao Rodoanel apresentam abandono e falta de segurança. Foto: Ronaldo Andrade

Após o envio de inúmeros requerimentos aos responsáveis pela obra de construção do trecho leste do Rodoanel, o vereador itaquaquecetubense Edson de Souza Moura, o Edson Moura, recebeu um documento da Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo), nesta semana, respondendo aos questionamentos feitos pelo parlamentar sobre a situação de abandono em que se encontra todo o entorno da via que corta o município.

O documento enviado ao vereador, assinado pelo chefe de gabinete Jorge Luiz Pereira, responde seis questionamentos feitos pelo parlamentar (veja quadro abaixo). “Fico feliz por, enfim, ter recebido alguma resposta dos requerimentos que enviei, mas não estou satisfeito, vou aguardar para ver se cumprem o que estão dizendo no documento, porque a obra já foi entregue há quase um ano e, até o momento, nada foi feito para amenizar os impactos causados pelo Rodoanel”, enfatizou Edson Moura.

O vereador acompanha esse problema desde o início, quando percebeu que, além dos benefícios que uma obra desse porte traria ao município, a mesma também deixaria grandes problemas para os moradores.

Vereador Edson Moura visitou as áreas e fez os apontamentos dos problemas via documentos. Foto: Ronaldo Andrade
Vereador Edson Moura visitou as áreas e fez os apontamentos dos problemas via documentos. Foto: Ronaldo Andrade

“Não discuto a importância do Rodoanel, é óbvio que é uma grande obra, mas não posso aceitar que pela importância da obra, temos que jogar os problemas para debaixo do tapete, basta passar em qualquer trecho da via em Itaquá para constatar o abandono com entulhos e poças de água que podem se transformar em criadouros do mosquito da dengue, além da falta de segurança, pois essas áreas não tem iluminação, contêm muito entulho e mato que proporcionam a ação de bandidos”, destacou o vereador.

 

QUESTIONAMENTOS

 

1 – Estas áreas ao redor ou embaixo dos viadutos serão destinadas a que finalidade?

Artesp – No Edital de Licitação não consta obrigação da concessionária relativa a destinação dessas áreas, como estas áreas fazem parte da faixa de domínio da rodovia, entendemos que é obrigação da concessionária zelar pelas mesmas.

 

2 – Estas áreas serão devidamente fechadas e reurbanizadas?

Artesp – Serão cercadas e conservadas conforme anexo 6 do edital/contrato de concessão.

 

3 – De quem é a responsabilidade pela reurbanização das áreas atingidas?

Artesp – Desde que haja comprovação de dano provocado pelas obras da implantação do trecho Leste, a responsabilidade pela recuperação é da concessionária.

 

4 – Qual o prazo para recuperar as áreas que foram atingidas?

Artesp – Deve ser respondido pela área de meio ambiente da Artesp

 

5 – Quais providências estão sendo tomadas quanto à iluminação?

Artesp – Nos locais onde as luminárias foram retiradas, devido interferência com as obras do Rodoanel Leste, já foi solicitado a reposição, conforme nota de atendimento nº 601052250, registrada sob o nº de protocolo 186064701, na Empresa EDP Bandeirante Energia AS.

 

6 – A segurança se faz necessária em muitos pontos que, em virtude das obras, se tornaram ermos, facilitando a ação de marginais e desocupados. O que está sendo feito no sentido de amenizar o referido problema?

Artesp – O contrato de concessão do Rodoanel e o escopo da SPMar preveem que sua responsabilidade é pela segurança viária da rodovia, ou seja, a manutenção da faixa de domínio e operação da via estadual. Segurança pública não é de responsabilidade da concessionária.

Relacionadas

Leave a Comment