PM apreende mais de mil porções de drogas em Itaquá

Foto: Daniel Carvalho / Mogi News
Foto: Daniel Carvalho / Mogi News

A Polícia Militar de Itaquá prendeu na tarde de sábado (1), na Vila Gepina, o jovem Tiago dos Santos Domingues, de 19 anos, com 545 pinos de cocaína, 436 de crack e 97 papelotes de maconha. O rapaz escondia as drogas dentro de casa, onde ainda foi localizado um pacote de plástico de aproximadamente um quilo contendo um pó branco, que pode ser cocaína já refinada.
Parte dos entorpecentes estava no encanamento da casa, na rua Cruzeiro, e pela quantidade encontrada é provável que Domingues seja um fornecedor. “Tudo indica que ele é o traficante, já recebe o produto embalado para distribuir para os pontos de vendas”, explicou o tenente PM Jefferson, que ajudou na operação.

A história começou a se desenrolar por volta do meio-dia de sábado, quando Domingues notou a presença de uma viatura da PM e resolveu pular para dentro de casa. Entretanto, quando acessou o imóvel, deixou cair cerca de 30 pinos de drogas no chão. Os entorpecentes foram recolhidos pelos policiais que tentaram convencer a mãe do jovem, que também foi para a delegacia, a abrir a porta para encontrar o rapaz. “Ela ia e voltava e nada de abrir a porta. Nesse tempo, a mulher tentava se livrar das drogas jogando-as no vaso sanitário. Enquanto isso, o indivíduo pulou o muro dos fundos para fugir”, afirmou o tenente.

A ideia da mãe de Domingues não funcionou e o cano acabou entupido com a quantidade de cápsulas de drogas. Além disso, somente quando o filho teve sucesso na fuga, a mulher resolveu abrir a porta para os PMs, segundo o policial. “Tivemos de abrir o sifão, parte do encanamento, para conseguir alcançar as drogas. Boa parte dos entorpecentes estava escondida dentro do quarto”, completou

Se entregou
Domingues estava abrigado em algum ponto do bairro, mas quando viu que os pais seriam levados para a delegacia, o jovem resolveu se entregar. A mãe, o pai e mais um irmão também foram levados para o DP e podem ser indiciados por tráfico.

Caso seja confirmada a prisão de Domingues, a pena dele poderá ser mais dura, porque o acusado já esteve detido em outra ocasião pelo mesmo crime. Durante este ano, o rapaz ganhou a liberdade após ter cumprido sentença. Também participaram da ação os cabos Marcilio e Guirão e os soldados Eduardo, Pedro e Oliveira.

 

 

Fonte: Mogi News

Relacionadas

Leave a Comment